Operador de Empilhadeira

3_aNa ciência da Gestão de Estoque, a administração do tempo e do espaço é imprescindível para otimizar a logística e garantir o lucro das empresas. Por isso é que convencionou-se a verticalização do armazém por meio de estantes porta-paletes, que proporcionam a acomodação de mais produtos em ambientes reduzidos.

Com a verticalização do armazém, contudo, surgiu a necessidade do uso de empilhadeiras, que oferecem mais praticidade na hora de estocar materiais nos patamares mais altos das estruturas porta-paletes. E, desta atividade, por sua vez, é que despontou no mercado de trabalho a figura do “operador de empilhadeira”.

Dentro de um armazém, um operador de empilhadeira possui várias funções, tais como:

  • Armazenamento de paletes;
  • Movimentação de materiais;
  • Carga e descarga de veículos de transporte;
  • Manutenção básica de empilhadeiras.

Além disso, um trabalhador do ramo deve ter conhecimentos em:

  • Técnicas de trabalho em equipe com outros operadores de empilhadeira e operadores logísticos;
  • Normas de segurança no trabalho com empilhadeiras;
  • Conferência de documentos de procedência e destino dos materiais;
  • Métodos de controle de estoque como o FIFO;
  • Estruturas de armazenagem;
  • Dimensões de porta-paletes;
  • Técnicas de endereçamento de estoque.

Como se pode observar, exercer a função de operador de empilhadeira moderno não é tão simples quanto parece. E sem este trabalhador, uma empresa perderia na otimização do tempo e do espaço do armazém para os concorrentes, o que diminuiria também a sua participação no mercado.

Deixe seu comentário

vamos conversar?

Anexar Arquivo